10 Curiosidades sobre o Wi-Fi.

10 Curiosidades sobre o Wi-Fi.

 

Por trás da história do Wi-Fi, existem algumas curiosidades que podem ser desconhecidas para os utilizadores. Esta tecnologia é utilizada diariamente e revela, cada vez mais, ser essencial nas nossas vidas.
Conhecimento é poder e saber alguns factos sobre esta tecnologia sempre lhe dará tema de conversa num próximo jantar de família ou de amigos! Assim sendo, aqui estão 10 curiosidades sobre o Wi-Fi que vai gostar de saber.

1. A origem do nome

Inicialmente designada como IEEE 802.11, o Wi-Fi é um termo totalmente inventado, apesar da sua semelhança com o termo Hi-Fi, relacionado com qualidade de áudio e que significa High Fidelity.

Devido a esta semelhança, muitos assumiram que Wi-Fi poderia ser uma abreviatura de Wireless Fidelity, mas os criadores do termo negam qualquer relação entre os dois.

2. A atriz de Hollywood que tornou o Wi-Fi possível

Hedy Lamarr, uma atriz americana de origem austríaca, fez sucesso na era dourada de Hollywood. O mundo estar-lhe-à permanentemente agradecido pela sua contribuição tecnológica durante a Segunda Guerra Mundial: juntamente com o compositor George Antheil, inventou um sistema de comunicações para as Forças Armadas dos Estados Unidos, o qual serviu de base para a atual tecnologia dos telemóveis, e daria origem ao Wi-Fi décadas mais tarde.

3. Há muitas formas erradas de escrever Wi-Fi

Para além de pronúncias, há muitas formas erradas de escrever Wi-Fi. Uma das grandes discussões desde a popularização da tecnologia é como a pronunciar. Sendo um termo inglês, a pronúncia correta é “uai-fai”, ao contrário da também popular – mas errada – forma portuguesa e literal de dizer o termo. Devido a ser uma marca registada, existe uma forma oficial e correta de designar esta tecnologia. Wi-Fi é o nome correto. Já wi-fi, WI-FI, Wi-fi, entre outras, mesmo que comuns, são tecnicamente incorretas.

 
4. O significado do logótipo

Vê semelhanças com o famoso símbolo de Yin e Yang no logótipo da Wi-Fi? Não é por acaso. O logótipo comunica a universalidade e compatibilidade da tecnologia, que se demarca por ser possível a sua utilização com um dispositivo de emissão recente e um recetor com 10 anos ou vice-versa, por exemplo. Daí a escolha do design.

 

5. O primeiro uso da tecnologia Wi-Fi foi em 1971

A gigante AT&T (empresa americana de comunicações) e a NCR (empresa de tecnologia, também americana) testaram a primeira troca de dados sem fios com a tecnologia WaveLAN em 1971, quase 30 anos antes do registo oficial do padrão IEEE 802.11 pelo Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrónicos, que tornou uma realidade a primeira versão do Wi-Fi pronta para ser usada comercialmente. Apenas em 1999 foi rebatizada de Wi-Fi, um nome mais amigável para o consumidor.

 

6. Qual a diferença entre 5GHz e 2,4 GHz?

Caso se recorde de aprender na escola a diferença entre ondas rádio AM e FM, a diferença entre 2,4 GHz e 5 GHz é semelhante. De forma resumida, a qualidade – ou seja, a quantidade de informação que a frequência consegue transmitir por segundo – é maior em dispositivos que usam o 5 GHz, mas esta tem largura de onda mais curta, pelo que o seu alcance é facilmente afetado pela presença de paredes e outros obstáculos.

Por outro lado, com 2,4 GHz o alcance é melhorado, sacrificando a velocidade da ligação. Assim, os 5 GHz são mais rápidos, mas os 2,4 GHz vão mais longe.

 

7. Quantos dispositivos usam Wi-Fi?

A tendência de crescimento no uso de Wi-Fi continua a ser exponencial, com perto de 50 mil milhões de dispositivos a usarem a tecnologia atualmente. Estes números incluem smartphones, televisões, computadores, automóveis, eletrodomésticos, entre muitos outros.

 

8. Pode aumentar o alcance do seu router gratuitamente
O primeiro passo para alcançar a maior cobertura de sinal é olhar para a planta da casa e tentar encontrar, entre os locais viáveis, qual o posicionamento mais central na casa que não esteja bloqueado por paredes. Deve orientar as antenas na direção das divisões mais longínquas, aproveitando caso o seu router tenha várias antenas para as distribuir pelas posições necessárias. Esta ação fará a diferença no alcance do equipamento.
9. Como fazer a Wi-Fi chegar a toda a casa?
À medida que toda a casa se torna dependente de Wi-Fi (desde computadores e telemóveis, a eletrodomésticos e dispositivos para Smart Home), a garantia de uma distribuição de alcance uniforme ao longo da casa é essencial. Deve procurar soluções como repetidores de sinal, configurando-os corretamente de forma a criar uma rede única que apenas precise de ligar-se uma vez, sendo a troca de emissor feita automaticamente pelos dispositivos sem a sua intervenção.

 

10. O seu corpo pode estar a bloquear o sinal de Wi-Fi
Por fim, a última curiosidade sobre o Wi-Fi é que o seu corpo pode estar a bloquear o sinal de Wi-Fi para o resto da casa. Com a popularização das ondas de maior frequência, pequenos bloqueios podem fazer toda a diferença na propagação do sinal por toda a casa e um dos bloqueios pode ser a sua presença entre emissor e recetor. Portanto, já sabe: não se coloque entre os dispositivos para obter melhor ligação à Wi-Fi.

 

Quantas destas curiosidades sobre o Wi-Fi conhecia? Tem conhecimento de mais alguma que não mencionamos? Comente connosco nas redes sociais!

Partilhe este artigo nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

outros Artigos de interesse

10 Curiosidades sobre o Wi-Fi.
DICAS

10 Curiosidades sobre o Wi-Fi.

  Por trás da história do Wi-Fi, existem algumas curiosidades que podem ser desconhecidas para os utilizadores. Esta tecnologia é utilizada diariamente e revela, cada

Ler mais >